Brasileiro ganha a Medalha Fields, o Nobel da matemática

Arthur Avila foi o primeiro brasileiro a ganhar a Medalha Fields, considerada o “Nobel da matemática”, por sua pesquisa na área de sistemas dinâmicos.

Essa é a primeira vez que a premiação, criada em 1936, é atribuída para um matemático formado no Hemisfério Sul.

Também ganharam a medalha neste ano o canadense Manjul Bhargava, o austríaco Martin Hairer e a iraniana Maryam Mirzakhani.

O prêmio é entregue a cada quatro anos pela União Internacional de Matemática.

Este ano, a cerimônia será em Seul, no Congresso Internacional de Matemáticos. Para o Brasil, o evento começa às 21h e poderá ser acompanhado pelo site.

A Fields só é concedida a pesquisadores com, no máximo, 40 anos de idade - Avila tem 35.

Artur nasceu no Rio de Janeiro. Aos 16 anos, ganhou a medalha de ouro na Olimpíada Internacional de Matemática no Canadá e conclui seu mestrado junto com o Ensino Médio.

Assim, pulou a graduação e foi fazer o doutorado no Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), no Rio de Janeiro, de onde ainda é pesquisador.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Fotógrafo cria montagens surreais com cachorros abandonados para incentivar adoção

O fotógrafo hungáro Sarolta Bán utilizou o seu talento para incentivar as pessoas a adotarem cachorros abandonados.

No projeto Help Dogs with Images, ele coleta imagens de animais que procuram abrigo ao redor do mundo e cria montagens surreais. As pessoas que adotarem os cachorros recebem cópias das imagens.

As fotos também estão sendo comercializadas e parte da venda é revertida para os abrigos que cuidam dos animais.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Vídeo mostra reação de garoto ao ouvir pela primeira vez após implante

O sorriso de Matheus Alves Aroucha, de 2 anos, mostra que o dia 11 de agosto de 2014 ficará para sempre na história dele. O menino ouviu um som pela primeira vez na vida, após fazer a ativação do implante coclear multicanal, na manhã desta segunda-feira (11), no Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp, em Campinas (SP).

O garoto nasceu com surdez profunda e ficou desde seus primeiros meses em uma fila de espera para implantar o aparelho, oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Após a cirurgia, realizada no ouvido direito, ele vai poder escutar qualquer tipo de som e, com o acompanhamento de fonaudióloga, deve começar a falar no período de um ano e meio.

O menino realizou a cirurgia para a colocação do componente interno do implante em abril deste ano e nesta segunda ativou o sistema externo, que funciona como uma espécie de processador de som, que vai emitir as ondas sonoras para possibilitar a audição.

Ao ouvir pela primeira vez, Matheus sorriu ao ouvir os estimulos da fonaudióloga, que batia na mesa e conversa com ele. O garoto também colocava brinquedos no ouvido à medida que as pessoas conversavam com ele. “Muita gente me falou que eu não deveria fazer porque a manutenção era cara, mas eu estou muito feliz por meu filho poder ouvir”, afirmou a mãe Fabiana.

De acordo com os especialistas, quando o implante é ativado o paciente ainda escuta sons em volume baixo, depois, com o tempo, o aparelho aumenta e a reprodução é igual a real. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 300 mil usuários colocaram o implante no mundo.

Dica do putzpaulim

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Menina arrastada por tsunami é encontrada 10 anos depois

Raudhatul Jannah tinha apenas 4 anos quando ela e o irmão foram arrastados pela tsunami que atingiu sua casa na província de Aceh, na Indonésia, em 26 de dezembro de 2004. Os pais procuraram os irmãos por um mês. Ela foi dada por morta até que o tio materno viu uma adolescente parecida com a sobrinha um mês atrás. O reencontro aconteceu nesta quarta-feira.

— Meu marido e eu estamos muito felizes por encontrá-la — contou a mãe, Jamaliah, por telefone, de Aceh Ocidental. — É um milagre de Deus.

Raudhatul, agora com 14 anos, estava sendo criada por uma idosa no distrito de Aceh Barat Daya. A mãe diz não ter dúvidas sobre a identidade da jovem, mas que se for necessário se submeteria a exame de DNA. Sua esperança agora é de encontrar o outro filho, três anos mais velho do que Raudhatul e arrastado com ela pelas ondas.

— Vamos procurá-lo porque acreditamos que esteja vivo — disse a mãe.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Deficiente visual supera dificuldades e se torna fotógrafo

Brenden Borrellini nasceu com deficiência visual e auditiva. Desde pequeno, teve que conviver com todas as dificuldades que um deficiente enfrenta pela vida, mas isso não o impediu de sempre buscar seu sonho: ser um fotógrafo.

Steve Mayer-Miller, diretor artístico do Crossroad Arts, é seu mentor e sempre o ajudou: “Eu não conheço ninguém tão focado, motivado e perseverante do que Brenden”. Para ajudar com as opiniões do seu trabalho, o artisita utiliza uma máquina que converte textos em braille.

O grupo também transforma imagens 2D em 3D para que Brenden possa conhecer sua obra.

O vídeo que explica como é o processo para Brenden fotografar é incrível!

Dica do Sandro Proença 

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Pessoas se unem para empurrar metrô e desprender perna de passageiro que havia ficado preso na Austrália

image

A união dos passageiros de um metrô na Austrália fez com que uma história que poderia ter se tornado uma tragédia tivesse um final feliz.

As imagens que rodaram o mundo, mostram um homem, logo depois de entrar no metrô, pisando em falso e prendendo a perna no vão entre a plataforma de embarque e o veículo. Em seguida, uma multidão se une para empurrar o trem e liberar o passageiro preso. O grupo só tem sucesso na segunda tentativa. Após o homem ser retirado, alguns passageiros aplaudem e comemoram. Ele é socorrido por funcionários, sai amparado do metrô e a rotina segue na estação.

O vídeo é de uma câmera de segurança de uma empresa de transportes públicos da Austrália (Public Transport Authority of Western Australia) e foi postado no canal da empresa no Youtube nesta terça-feira.

No primeiro minuto e 12 segundos do vídeo, é possível ver o homem prender a perna. Em seguida, um passageiro pede ajuda aos funcionários do metrô. Depois disso, dezenas de outros passageiros começam a chegar para ajudar o homem.

Aos 9 minutos, uma senhora pede que os passageiros que estão dentro do vagão saiam. Aos 11 minutos e 34 segundos, um funcionário pede para que as pessoas ajudem a empurrar o vagão. A primeira tentativa é sem sucesso, mas, aos 12 minutos e 4 segundos, os passageiros unidos conseguem desprender a perna do senhor, que sai agradecendo aos benfeitores.

O vídeo é incrível! 

Dica do Rodolfo Dorr

Ler a notícia na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Cantora Taylor Swift canta para menino em hospital

Jordan Lee Nickerson tem 6 anos e é muito fã da cantora Taylor Swift, enquanto estava no hospital após ser diagnosticado com leucemia ele recebeu uma surpresa incrível! A própria Taylor o visitou e eles cantaram juntos. 

Os vídeos  são emocionantes! Veja um pouco: 

Dica da Soraya de Souza

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Balões levam chocolates sul-coreanos para a Coreia do Norte

Ativistas sul-coreanos enviaram balões cheios de chocolate e tortas industrializadas para o solo norte-coreano nesta quarta-feira. As informações são do The Telegraph.

Cerca de duzentas pessoas participaram do evento para o transporte das guloseimas. Nos balões foram colocados mais de 350 quilos de chocolate, incluindo 10 mil “Choco Pies”, segundo revelaram os organizadores do evento.

O “Choco Pie” (Torta de chocolate, em tradução literal) é um produto de chocolate e marshmallow fabricado na Coreia do Sul, que foi proibido pelo governo norte-coreano recentemente, no último mês de maio, por ser considerado um “símbolo do capitalismo”.

Os ativistas sul-coreanos também usam os balões (cheios de gás hélio) para o território vizinho com panfletos e informações contra o governo de Kim Jong-un.

Dica do Guilherme Boaceff

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Auxiliar de escola cria colete que ajuda menino com paralisia cerebral

A auxiliar de inclusão Sabrina Machado Minhos, 36, cuida de Lucas Natã da Silva, 5, desde 2013, quando começou a trabalhar numa escola municipal em Esteio (RS). Frustrada com as limitações do menino com paralisia cerebral, ela fez um macacão que prende Lucas ao seu corpo e lhe dá movimentos.

Depoimento
Há 14 meses eu trabalho com o Lucas. Minha função é mantê-lo limpinho, já que ele usa fraldas. Também tenho que alimentá-lo, porque ele não consegue segurar os talheres. Transporto ele de uma atividade a outra da escola.

[O Grupo Folha não autoriza a publicação na íntegra do conteúdo produzido pelo jornal Folha de S.Paulo] 

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter

Campanha transforma cabelos de crianças com câncer em diamantes

Com o objetivo de inspirar e incentivar famílias e crianças com câncer, a agência Africa, em parceria com a designer de joias Ara Vartanian, criou para o o GRAACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e a Criança com Câncer) a campanha “Unbreakable Hope”, que prevê a transformação do cabelo dos pacientes em diamantes.

As imagens das crianças foram expostas no hospital do GRAACC e colocadas na área de desenvolvimento institucional. Os anéis vendidos foram 100% revertidos para a ONG.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Posto de gasolina em Porto Alegre acolhe animais de rua durante o frio

O frio chegou de vez em boa parte do país. Assim como os moradores de rua, animais abandonados e bichinhos desaparecidos também sofrem bastante com os dias gelados. Eles costumam procurar abrigo em comércios e casas, mas nem sempre são bem recebidos. Em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, um posto de gasolina conquistou moradores da região ao acolher os cães que precisavam de ajuda.

Funcionários improvisaram bacias e cobertores para receber os hóspedes durante o inverno, e ainda oferecem água e ração. A comerciante Cinthia Cramer flagrou a boa ação ao abastecer o carro no local. “Fiquei olhando admirada, mas só tinha visto um cão. Resolvi descer para ver de perto. Foi quando me deparei com os outros todos acomodados em suas devidas bacias. Achei o máximo. Me emocionei com a criatividade e fotografei. Eles nem me deram bola, continuatam no aconchego. São uns queridos”, contou.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Özil usa prêmio da Copa do Mundo para ajudar crianças brasileiras

O meia Özil decidiu utilizar o prêmio que recebeu pela conquista do título mundial com a seleção da Alemanha para ajudar o próximo. No caso os beneficiados foram 23 crianças brasileiras, que tiveram suas cirurgias pagas pelo jogador.

- Antes da Copa do Mundo pensei em apoiar a cirurgia de 11 crianças doentes. Mas depois de conquistar o Mundial, que não é o trabalho de apenas 11 jogadores, mas sim de uma seleção inteira, decidi aumentar o número para 23 - disse o jogador do Real Madrid.

A seleção alemã caiu nas graças do povo brasileiro por conta de suas atitudes relaxadas e sua interação com as pessoas. Os jogadores germânicos protagonizaram os momentos de maior interação com a população entre todas as delegações que disputaram o Mundial. Eles fizeram um vídeo vestindo camisas do Bahia e cantando o hino do Tricolor baiano, dançaram com índios no CT em Santa Cruz de Cabrália, visitaram escolas da região baiana e ainda foram flagrados comemorando a classificação da Seleção Brasileira nas oitavas de final da Copa, contra o Chile.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Alunos franceses se unem e vão à escola usando saias para lutar pela igualdade de gênero

Na França, o machismo tem sido tratado de forma séria e as ações têm buscado conscientizar principalmente as crianças e jovens. Em maio deste ano, na região de Nantes, garotos de mais de 20 escolas se mobilizaram em favor das mulheres e foram para a aula usando saias.

Na tentativa de fomentar o debate sobre a igualdade de gêneros e garantir os direitos da mulher, a campanha Ce que souleve la jupe (“O que levanta a saia”, em português) foi encarada de forma positiva pelos estudantes e por seus pais. Alguns dos que não quiseram ir à escola de pernas de fora, optaram por usar um adesivo da campanha colado na roupa.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Repórter da Globo tira as meias e dá para criança com frio durante telejornal

A repórter Ananda Apple deixou o lado humano falar mais alto durante a gravação de uma reportagem para o SPTV, na Globo, nesta quarta-feira, 16.

Falando sobre alunos que não receberam o uniforme escolar na rede estadual da cidade de Santo André, a jornalista mostrou-se solidária a uma criança que estava sem meias e passando frio no começo de manhã.

Ananda não pensou duas vezes e tirou suas próprias meias e colocou no pé da garota, que usava apenas sandálias.

Tem mãe que não consegue comprar a roupa de frio, é muito caro. O uniforme protege contra o frio. Hoje cedo a gente viu chegar aqui às 6h, estava 12, 13 graus, uma menina só de sandália. Cheguei a dar minha própria meia para ela porque eu tenho duas menininhas, sei o que é isso. Não dá para acontecer esse tipo de coisa. É uma questão de respeito. Como é que você espera que uma criança aprenda passando frio na sala de aula? A mãe não tem da onde tirar. É uma questão de respeito do poder público com essas crianças”, disse ela, visivelmente emocionada.

Veja no vídeo.

Ananda trabalha como repórter de cotidiano da Globo em São Paulo e aborda com frequência temas ligados ao meio ambiente nos telejornais locais. 

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter 

Internautas realizam sonho de pai que perdeu filha de seis semanas

A história comovente abaixo serve para nos lembrar que atos de bondade e compaixão ainda existem e precisam ser compartilhados.

No último fim de semana, um pai fez um pedido comovente pela rede social Reddit. Nathan Steffel, que mora em Ohio, nos Estados Unidos, queria que alguém com habilidades em Photoshop manipulasse uma foto da sua filha, que morrera dias antes com apenas seis semanas de vida. Ele queria ter uma imagem da pequena Sophia sem os tubos que a mantiveram a viva no curto período de sua vida.

Minha filha morreu após uma longa batalha no hospital infantil. Desde que ela nasceu, nunca conseguimos tirar uma foto sem todos os tubos que a mantinham viva. Alguém pode remover os tubos a partir desta foto?”, escreveu Nathan na rede social de compartilhamentos de links.

Em poucas horas, diversos usuários da rede atenderam ao pedido de Nathan e disponibilizaram fotos e ilustrações da pequena Sophia, que morreu no dia 10 de julho em decorrência de um tumor no fígado, sem os tubos.

Ler a matéria na íntegra | Curta A Boa Notícia do Dia | Siga no Twitter